optometria

Optometria: afinal, de que se trata?

A optometria é uma ciência voltada para a visão, mas é mais ligada à física, principalmente aos problemas de saúde primários.

A optometria estuda os problemas de visão não patológicos, ou seja, não decorrentes de problemas de saúde, mas sim do ponto de vista físico.

O profissional que trabalha com optometria, o optometrista, não utiliza, em suas atividades, nenhum procedimento ou medicamento invasivo, limitando-se a observar e aplicar técnicas de avaliação qualitativa e quantitativa do sistema de visão de um paciente, fazendo um tratamento preventivo.

Se, em sua análise, encontrar um problema de visão ou de alteração ocular com origem patológica, poderá encaminhá-lo a um especialista, com o diagnóstico do problema, mas sua função específica é avaliar e medir a estrutura de visão em seus aspectos funcionais e comportamentais, propondo os meios para correção dos defeitos encontrados no globo ocular.

Como surgiu a optometria

Os óculos foram inventados por volta de 1.300 DC, a partir de onde foram desenvolvidos muitos métodos para a correção dos problemas de visão.

O primeiro médico a ser considerado efetivamente oftalmologista foi Georg Bartisch, em 1585, que era contra o uso de óculos.

Essa ideia foi seguida por muitos anos, o que acabou fazendo com que a optometria se desenvolvesse como uma ciência paralela à medicina, sendo trabalhada por ópticos até o século XIV, quando foi criada a primeira Guilda dos Oculistas, em Antuérpia, uma entidade que regulava o acesso à profissão de optometrista e criava as normas de conduta que deveriam pautar a vida desses profissionais.

A profissão existe desde 1895, quando foi criada, na Inglaterra, a Associação Britânica de Óptica, estabelecendo um exame de capacidades para ser considerado um óptico refracionista.

Logo depois, a profissão chegou aos Estados Unidos e, atualmente, é uma profissão praticada em mais de 130 países.

Sendo um profissional independente na área da saúde, com formação superior ou técnica, o especialista em optometria está habilitado a examinar e avaliar o sentido da visão, sendo capacitado para diagnosticar e compensar, através dos instrumentos e equipamentos oftalmológicos, as alterações visuais de origem patológica e não patológica, melhorando o desempenho visual de seus pacientes.

A profissão exige conhecimentos de física e biologia, além, é claro, do interesse pela área da saúde humana.

O profissional, para se dedicar à optometria, também precisa ter boa visão, boa capacidade de observação, senso de organização, metodologia dinâmica e ter raciocínio rápido para fazer o diagnóstico, percebendo as diferenças encontradas nos globos oculares que examina.

As atividades de um profissional da optometria

A optometria trabalha com anamnese, uma forma de entrevista individual, como ponto de partida para um diagnóstico.

Nessa entrevista são recolhidas informações sobre a rotina e hábitos do paciente, de onde se pode seguir para os exames que possam detectar possíveis problemas oculares, medindo a estrutura ocular e analisando a córnea, o rendimento visual e as possíveis possibilidades de correção.

Na optometria também pode ser proposto o tipo de lente mais eficiente para o tratamento, com a avaliação do sistema ocular para verificar a possibilidade de uso de lentes de contato.

O optometrista também pode determinar a quantidade e qualidade do líquido lacrimal, determinando como será o comportamento de lentes nos olhos do paciente, orientando para os procedimentos com relação à limpeza e manutenção de lentes ou óculos.

Também pode ser requisitado para fornecer dados a especialistas, em casos de patologia.

As áreas de atuação da optometria

Entre as áreas de atuação da optometria, podemos destacar as seguintes:

Preventiva, que trata da prevenção de problemas visuais e busca metodologias para a melhora do rendimento ocular;

Comportamental, que cuida do comportamento do sistema ocular e de suas funcionalidades;

Geriátrica, para cuidar dos problemas de visão dos idosos e dos cuidados que são necessários;

Pediátrica, que estuda e trata os problemas relacionados à visão de crianças

Desportiva, tratando dos problemas relacionados à visão nos esportes.